TRT participa do lançamento do projeto Ribeirinho Cidadão

Informações sobre o trabalho seguro, direitos trabalhistas e a importância do combate ao trabalho infantil são temas que serão levados pelo Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT/MT) aos participantes do projeto Ribeirinho Cidadão.  O evento foi lançando na sexta-feira (28), em Santo Antônio do Leverger, e segue até 22 de março levando cidadania para a população carente do Pantanal.

Durante as etapas fluvial e terrestre, a população irá receber kits doados pelo Tribunal com camisetas, mochilas, cadernos, canetas, gibis e cartilhas com os temas trabalhados pela Justiça do Trabalho. Os ribeirinhos também são atendidos com consultas médicas, odontológicas, orientações jurídicas, mediação de conflitos, entre outros serviços de cidadania.

O presidente do TRT/MT, desembargador Nicanor Fávero, compareceu ao lançamento do evento e destacou a relevância do projeto. “Com estes materiais nós trazemos conscientização das normas trabalhistas, trabalho escravo e exploração do trabalho infantil.  É um projeto muito importante que merece todos os elogios”, destacou.

O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, falou sobre as atividades realizadas pelo judiciário e aproveitou a oportunidade para ressaltar o valor de cada parceiro que integra o projeto. “Temos mudado o conceito de Judiciário estático e parado. Cada ano que passa agregamos mais serviços ao Ribeirinho Cidadão no intuito de solucionar os problemas. Além de levarmos serviços judiciários, estamos levando justiça social”.

O coordenador do Ribeirinho Cidadão, juiz José Antônio Bezerra Filho, destacou que o projeto envolve grandes desafios.  “É uma expectativa a realização de um evento tão grande e que envolve tantos parceiros, mas estamos todos imbuídos no espírito de servir e fazer o bem. Todos querem servir e as comunidades estão nos aguardando ansiosamente para receber essa inclusão social. Teremos grandes dias de serviço pela frente”, concluiu o magistrado.

O Ribeirinho Cidadão oferece serviços como consultas médicas no caminhão oftalmológico da Justiça Comunitária; conciliação e mediação com a Justiça Especial Itinerante (JEI), orientações do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Cidadania (Nupemec), do Juizado Volante Ambiental (Juvam) e da Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar no Âmbito do TJMT (Cemulher), além de serviços de saúde do Ambulatório Médico e do Programa Bem-Viver do Tribunal de Justiça.

O projeto conta com mais de 50 parceiros, entre eles, Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT); Governo do Estado; Assembleia Legislativa de Mato Grosso; as prefeituras de Santo Antônio do Leverger, Barão de Melgaço e Poconé; Cartórios extrajudiciais; Rodoviária Federal (PRF-MT); Energisa, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT); Defesa Civil do Estado; Galvan Escola de Cabeleireiro; Ministério Público de Mato Grosso; Ministério do Trabalho; Samu; Receita Federal; Marinha do Brasil; Exército; Defesa Civil; Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), dentre outros.

(Sinara Alvares)

 

 

 

 

 

Gestor da Informação: