Senador Jayme Campos destaca, na tribuna do Senado Federal, bons resultados da Justiça do Trabalho em MT

“A Justiça trabalhista talvez encontre no Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT) o seu exemplo mais dinâmico e moderno”. Foi assim que o senador Jayme Campos definiu o regional mato-grossense na sessão plenária do Senado Federal realizada na quarta (04).

Durante seu pronunciamento, o senador destacou a eficiência do funcionamento da Justiça do Trabalho. “No nosso Estado, o TRT ostenta indiscutivelmente a transparência, em que a gestão da qualidade se faz notar no excelente ritmo que imprime à solução dos conflitos, ou seja, a Justiça do Trabalho tem um papel fundamental na sustentação da pacificação social”, afirmou.

O senador destacou a produtividade, o esforço conciliador do Tribunal e, ainda, os trabalhos desenvolvidos em parceria com o Ministério Público do Trabalho para combater o trabalho infantil.

Campos enfatizou também o equilíbrio das sentenças proferidas nos litígios trabalhistas em Mato Grosso, a celeridade processual e elogiou a gestão da presidente do TRT/MT, desembargadora Eliney Veloso. “O seu trabalho zeloso e exitoso tem permitido que a Justiça Trabalhista de Mato Grosso seja uma das Justiças que hoje, naturalmente, deva ser espelhada pelos TRTs do Brasil e pela própria Justiça de uma maneira geral”.

Complexo-sede

Na década de 90, quando Jayme Campos era governador de Mato Grosso, o Estado doou o terreno onde hoje é a sede do Tribunal. O fato foi lembrado no discurso no Senado Federal. “Tenho muito orgulho de ter contribuído para viabilizar a instalação do órgão. O tempo revelou o acerto dessa medida. O interesse público, uma vez que a pacificação social, garantida pelo nosso TRT no campo trabalhista, representa um legado crucial para todos os nossos concidadãos”, destacou.

(Sinara Alvares)

Gestor da Informação: