Pesquisa sobre as páginas de jurisprudência dos tribunais está disponível até 30 de setembro

Arte- Procura de documentos digitais

Todos que atuam junto ao Poder Judiciário, seja como usuário ou prestador de serviço, podem ajudar a melhorar a Pesquisa de Jurisprudência dos tribunais. Para isso, está disponível, até 30 de setembro, uma pesquisa de satisfação promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

A “Pesquisa de Satisfação sobre as Páginas de Jurisprudência” pode ser respondida por magistrados, servidores, advogados, partes, estudantes e demais interessados. Objetivo é captar a percepção e a avaliação de quem efetivamente utiliza esse serviço e, assim, identificar necessidades de melhoria para a excelência dos serviços prestados.

Depois de coletadas, as informações obtidas serão utilizadas pelo comitê de apoio do CNJ na elaboração de estudos e pareceres técnicos sobre a sistematização do serviço de jurisprudência no Judiciário.

A iniciativa dá prosseguimento ao levantamento realizado pelo CNJ em fevereiro de 2021, o qual resultou na publicação do “Relatório de Resultados do Diagnóstico dos Serviços de Jurisprudência no Poder Judiciário”. O documento, que compila dados de 89 tribunais brasileiros e apresenta um panorama dos serviços jurisprudenciais em todo o país, será complementado com as percepções da presente pesquisa.

Os participantes não serão identificados e o conteúdo será utilizado somente para gerar informações que auxiliem na melhoria dos recursos e serviços jurisprudenciais.

Para acessar a pesquisa, clique aqui.

Confira também

Relatório do CNJ aponta pesquisa de jurisprudência do TRT/MT como referência nacional

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Gestor da Informação: