Sustentabilidade Predial

Páginas

Página 1

A sustentabilidade predial é considerada em todas as obras de construção e reforma, constituindo ação estratégica marcante do Regional. Para consolidar a política voltada para redução de impactos ambientais negativos, o TRT da 23ª Região editou a Resolução Administrativa 164/2010, que estabelece diretrizes de cunho socioambiental e referenciais de áreas a serem adotados para a elaboração de projetos de reforma ou construção de imóveis novos no âmbito do Regional. O Tribunal também observa os ditames das Resoluções 114/2010 do CNJ e 070/2010 do CSJT, além do Guia de Contratações Sustentáveis da Justiça do Trabalho e demais normas ambientais vigentes.

A aquisição de bens/produtos de alta eficiência têm contribuído fortemente para a economia de energia e água. A aquisição dos produtos menos impactantes, aliados ao comportamento proativo dos integrantes do Tribunal, vem propiciando o uso eficaz dos recursos, com expressivos retornos sob as óticas ambiental, social e econômica.

Energia solar e Eficiência energética

Desde 2018, o TRT de Mato Grosso vem investindo recursos na produção de energia elétrica a partir de fonte limpa de energia, por meio da aquisição e instalação de sistemas fotovoltaicos. Atualmente todos os 23 prédios do TRT possuem sistemas instalados. Até 2020 foram investidos aproximadamente 4,6 milhões de reais, com 1.341,55 kwp de potência instalada (para mais detalhes, clique aqui),  A instalação de sistemas de captação de energia solar no telhado das 23 unidades do Regional matogrossense gera uma economia de 90,8 mil reais por mês, ou cerca de 1 milhão de reais por ano.

Porém, é importante destacar que antes da instalação dos sistemas fotovoltaicos o TRT de Mato Grosso focou primeiramente na redução do consumo de energia elétrica, adquirindo equipamentos mais eficientes, como condicionadores de ar com selo Procel e inverter, lâmpadas led e sensores de presença, e adotando soluções e técnicas de construção que propiciam menor consumo de energia, como iluminação mínima em áreas externas com desligamento programado (fotocélulas), aproveitamento da luz natural, uso de vidros na cor fumê, setorização na iluminação de ambientes, paredes de alvenaria duplas, laje com isolante e telhados térmicos com pintura reflectiva de raios solares. O órgão também promoveu e promove constantemente a sensibilização do seu corpo funcional visando o consumo consciente e o combate ao desperdício.

 

PBE Edifica

A partir de 2017, o TRT23 passou a exigir a Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (ENCE), classificação A, do Programa Brasileiro de Etiquetagem para Edificações (PBE Edifica), medida que passou a ser obrigatória na Administração Pública, conforme  Instrução Normativa MPOG/SLTI nº 02, de 04 de junho de 2014. O primeiro prédio do TRT de Mato Grosso a ser construído com base nas diretrizes do PBE Edifica foi o Foro Trabalhista de Lucas do Rio Verde. Na fase de planejamento da obra, o projeto de construção do edifício recebeu a Etiqueta de projeto e, em dezembro de 2021, o prédio obteve a Etiqueta de Edificação Construída, classe A. Isso significa que a edificação é energeticamente mais eficiente, proporciona as mesmas condições físicas e ambientais com menor custo de energia quando comparado com outra edificação com os mesmos parâmetros mas que não se utiliza desse princípio. O Foro Trabalhista de Lucas do Rio Verde é o primeiro prédio público da Justiça do Trabalho a receber a certificação.

 

Notícias

19 de janeiro de 2022

Fórum de Lucas é primeiro prédio da Justiça do Trabalho a receber selo A de Eficiência Energética

O Fórum Trabalhista de Lucas do Rio Verde é o primeiro prédio da Justiça do Trabalho no Brasil a receber o selo A de Eficiência Energética para Edificação Construída (PBE Edifica A). A certificação que atestou o nível mais eficiente de etiquetagem foi recebida em 17 de dezembro.

 

10 de janeiro de 2022
SUSTENTÁVEL – Além do ambiental, atuação do TRT gerou resultados sociais e econômicos

A Justiça do Trabalho mato-grossense é destaque pelas ações e projetos de responsabilidade socioambiental que desenvolve há anos. Entre eles, o incentivo à coleta seletiva e a construção de prédios com pegada sustentável. Mesmo assim, o Tribunal reconhece que ainda existe uma grande necessidade de continuar avançando.

 

07 de janeiro de 2022
Tribunal economizou R$ 12 milhões na pandemia. Veja as principais entregas

A economia de recursos alcançada pelo Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT/MT) nos últimos dois anos girou em torno dos 12 milhões de reais. Resultado direto da pandemia, que obrigou a instituição a fechar unidades e colocar servidores em teletrabalho, os recursos foram aproveitados estrategicamente.

 

07 de janeiro de 2022
INVESTIMENTO - TRT instala energia solar nas 23 unidades e economiza 90 mil por mês

A instalação de sistemas de captação de energia solar no telhado das 23 unidades da Justiça do Trabalho no estado gera uma economia de 90,8 mil reais por mês, ou cerca de 1 milhão de reais por ano. A medida faz parte de um projeto que visa a responsabilidade socioambiental, o uso sustentável dos recursos naturais e a eficiência do gasto público.

06 de janeiro de 2022
Tribunal usa recursos economizados com energia em reforma de prédios e outras áreas

A instalação de sistemas de captação de energia solar no telhado das 23 unidades da Justiça do Trabalho no estado gera uma economia de 90,8 mil reais por mês, ou cerca de 1 milhão de reais por ano. A medida faz parte de um projeto que visa a responsabilidade socioambiental, o uso sustentável dos recursos naturais e a eficiência do gasto público.

 

08 de fevereiro de 2021
Tribunal possui quase 87% das unidades operando com energia solar

A Justiça do Trabalho em Mato Grosso possui 86,9% de suas unidades operando com geração de energia solar. Dos 23 prédios do estado, 20 já possuem painéis fotovoltaicos instalados e em funcionamento. A expectativa é que as outras três entrem em operação ainda este ano.

 

05 de outubro de 2020
Concluída manutenção preventiva do Fórum de Tangará da Serra

Pintura, limpeza de calhas, placas fotovoltaicas e manutenção do sistema de incêndio, remarcação das vagas de estacionamento e instalação de piso tátil estão entre as benfeitorias realizadas na manutenção preventiva no Fórum de Tangará da Serra.

 

01 de outubro de 2020
Tribunal conclui adequação do sistema de iluminação do prédio da Corte

Como forma de melhorar a luminosidade e também como medida de sustentabilidade, foi realizada a troca do sistema de iluminação do prédio da Corte. As lâmpadas dos gabinetes, da Presidência e demais unidades que funcionam no local foram substituídas por modelos do tipo led, mais econômicas e modernas.

 

28 de agosto de 2020
Sistema fotovoltaico do Tribunal é tema de workshop nesta sexta

Os engenheiros eletricistas Fernanda Leles e Rogério Favreto realizam nesta sexta (28), às 9h, um workshop para troca de experiências sobre sistema fotovoltaico. Eles são responsáveis pelos estudos técnicos e acompanhamento do funcionamento dos sistemas instalados na Justiça do Trabalho mato-grossense.

 

17 de agosto de 2020
Nove fóruns já funcionam com energia fotovoltaica e economia estimada é de R$ 640 mil

A Justiça do Trabalho mato-grossense possui nove unidades com geração de energia solar em operação. As varas de Água Boa e de Primavera do Leste foram as mais recentes a receber a instalação dos painéis fotovoltaicos e se tornar autossuficientes na produção de energia.

 

28 de julho de 2020
Sistema de energia fotovoltaica é instalado nas varas de Água Boa e Primavera do Leste

As varas do trabalho de Água Boa e Primavera do Leste são as mais novas unidades a contar com um sistema de energia fotovoltaica. Com estas, a Justiça do Trabalho em Mato Grosso passa a nove unidades com tecnologia para captar luz solar e transformar em energia elétrica.

 

19 de março de 2020
Plano de Logística Sustentável mostra redução de consumo da Justiça do Trabalho mato-grossense

As metas do Plano de Logística Sustentável (PLS) estipuladas para o ano passado tiveram êxito em 74% dos 19 indicadores estipulados para a Justiça do Trabalho mato-grossense. É o que aponta o Relatório de Avaliação e Desempenho de 2019.

 

22 de janeiro de 2020
TRT adere ao Programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P)

O Tribunal aderiu à Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), programa do Ministério do Meio Ambiente (MMA) que visa estimular os órgãos públicos do país a implantarem políticas e práticas de sustentabilidade.

 

17 de dezembro de 2019
Tribunal inaugura Fórum de Lucas do Rio Verde, prédio inovador na Justiça do Trabalho brasileira

Um prédio que coloca Lucas do Rio Verde, município do médio norte de Mato Grosso, e a Justiça do Trabalho no estado em destaque nacional.

 

13 de dezembro de 2019
TRT instala 2ª Vara do Trabalho e inaugura nova sede do Fórum de Lucas do Rio Verde nesta segunda

A nova sede do Fórum Trabalhista de Lucas do Rio Verde será inaugurada na segunda-feira (16), às 16h. Na ocasião, também será instalada a 2ª Vara do Trabalho do município, que irá equalizar a força de trabalho à demanda processual da região.

 

26 de novembro de 2019
TRT/MT expande sistema de geração de energia fotovoltaica nas unidades do interior

Já estão concluídas as instalações dos painéis solares nas unidades de Peixoto de Azevedo e Nova Mutum. De acordo com a Coordenadoria de Engenharia e Manutenção (CEM), os fóruns trabalhistas aguardam a vistoria da concessionária de energia elétrica para que o sistema fotovoltaico comece a operar.

 

18 de junho de 2019
Fórum Trabalhista de Sorriso passa a funcionar com energia fotovoltaica

O Fórum Trabalhista de Sorriso já opera com energia fotovoltaica desde o dia 07 de junho. A estimativa da Coordenadoria de Engenharia e Manutenção do Tribunal (CEM) é de uma geração anual de 52.630kWh. Esta e a quarta unidade da Justiça do Trabalho em Mato Grosso a funcionar com captação de luz solar.

 

06 de junho de 2019
Fórum Trabalhista de Sinop passa a funcionar com energia fotovoltaica

A Justiça do Trabalho mato-grossense está com mais uma unidade operando com o sistema de energia fotovoltaica: o Fórum Trabalhista de Sinop. O sistema, que capta a luz solar e a transforma em energia elétrica, entrou em operação nessa terça-feira (04), durante a programação da Semana do Meio Ambiente.

 

22 de maio de 2019
Tribunal ganha nova iluminação com lâmpadas de led na lateral do complexo-sede

Quem passar de noite pelo complexo-sede verá que a área externa ganhou nova iluminação. A mudança é uma das ações da Coordenadoria de Engenharia e Manutenção (CEM), realizada com o objetivo de tornar a instalação mais eficiente, tanto no consumo de energia quanto no aspecto de segurança.

 

14 de maio de 2019
Instalação do sistema fotovoltaico reduz conta de energia para 79 reais em Tangará da Serra

A Justiça do Trabalho mato-grossense começou a colher o retorno do investimento em energia fotovoltaica. Este mês, o Fórum de Tangará da Serra saiu do costumeiro valor de quase 5 mil reais com despesas de energia elétrica para 79 reais. O resultado foi repassado pela Coordenadoria de Engenharia e Manutenção nessa segunda-feira (13).

 

26 de março de 2019
Vídeo – Justiça do Trabalho mato-grossense investe em energia fotovoltaica

Os Fóruns Trabalhistas de Tangará da Serra e Várzea Grande já operam com a energia fotovoltaica. As duas unidades foram as primeiras a receber o investimento que a Justiça do Trabalho espera realizar para adoção de uma energia limpa e que trará uma  grande economia à instituição.

 

08 de fevereiro de 2019

Sistema de geração de energia fotovoltaica já está em funcionamento no Fórum Trabalhista de Várzea Grande

O sistema de geração de energia fotovoltaica instalado no Fórum Trabalhista de Várzea Grande já foi colocado em funcionamento e começou a gerar a energia para suprir as atividades no local. A unidade é a primeira da Justiça do Trabalho mato-grossense a operar com energia limpa, renovável e que produz baixos impactos ao meio ambiente.

 

25/01/2019 - 09:57

TRT/MT torna-se a primeira unidade da Justiça do Trabalho no Brasil a conseguir certificação A em projeto de engenharia

O projeto do novo Fórum Trabalhista de Lucas do Rio Verde conquistou a Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (ENCE), do programa Procel Edificações. Com ótima avaliação nos quesitos eficiência energética e arquitetura sustentável, o projeto foi enquadrado no nível A do certificado Procel.
 

15/01/2019 - 07:56
Ações adotadas pelo Tribunal podem reduzir gastos com energia em cerca de 25%

Em tempos de necessária contenção de gastos, em especial pela limitação orçamentária decorrente da Emenda Constituição do Teto dos Gastos, o Tribunal tem adotado uma série de ações voltadas à redução das despesas com energia elétrica, que representam o maior custo entre aquelas de caráter continuada do órgão.

 

11/01/2019 - 11:16
Troca de lâmpadas convencionais por LED no Tribunal traz economia

Até o próximo dia 18, todas as lâmpadas das salas de audiências das varas de Cuiabá terão sido trocadas por modelos LEDs. A medida vai permitir uma redução no consumo de energia com os itens na ordem de 35%.Além da substituição nesses espaços, a Coordenadoria de Engenharia e Manutenção (CEM) informa que também foram adquiridas luminárias com a mesma tecnologia para serem instaladas na área externa ...

 

 

Gestor da Informação: