TRT passa a transmitir sessões de julgamento ao vivo pelo Youtube

O recurso de armazenamento permite acesso ao conteúdo a qualquer momento pela Internet

A partir desta segunda-feira (13) todas as sessões do Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso passam a ser transmitidas em tempo real pelo YouTube, no canal /trtmatogrosso. A novidade possibilita mais agilidade e praticidade ao acessar os vídeos, que ficam disponíveis em tempo integral pela internet.

Desde 2007, as sessões do Tribunal Pleno são transmitidas ao vivo pelo portal do TRT. Agora, 10 anos depois, o acesso a esse conteúdo é ampliado com a transmissão via YouTube. Essa possibilidade garante maior interação com cidadãos e jurisdicionados, os quais passam a ter mais um canal para acompanhar as atividades desenvolvidas pela segunda instância da Justiça do Trabalho mato-grossense.

O novo recurso permite a visualização também em tablets e smartphones, oferecendo mais opções de acesso em qualquer lugar e hora, desde que tenham acesso à internet, além de permitir a interação via comentários.

Segundo o coordenador da Seção de Audiovisual do TRT/MT, Leandro Gomes, a principal vantagem é ter os arquivos disponíveis para que a população e os profissionais do meio jurídico possam assistir ou rever as sessões do Tribunal Pleno bem como da 1ª e da 2ª Turma de Julgamento. “O alcance do YouTube na internet auxiliará o Tribunal na interação com cidadãos e jurisdicionados em qualquer lugar do país, o que promove ainda mais transparência”, explicou.

 

Como acessar

Durante a transmissão, o usuário deve entrar no canal do TRT/MT no YouTube (www.youtube.com/trtmatogrosso) e clicar o ícone “ao vivo agora”. Pronto! A sessão já poderá ser acompanhada on line. Ou então acessar a playlist “Sessões do Pleno” para ver as sessões já realizadas.

Uma das vantagens do novo sistema é que, mesmo que a sessão já tenha começado, basta rolar a barra para trás e acompanhar desde o início ou mesmo assistir depois. Outra possibilidade oferecida é saber a quantidade de pessoas que estão assistindo à sessão.

 

 (Sinara Alvares)

Gestor da Informação: